O que é?

A Bichectomia é a cirurgia dermatológica na qual retira-se, total ou parcialmente, as duas bolsas de gorduras presentes uma em cada lado da bochecha, entre o maxilar e a mandíbula, chamadas de “bolas de Bichat”. Essas bolsas de gordura sempre estão presentes na face, não importando se a pessoa está ou não acima do peso. A finalidade da bichectomia é de reduzir o tamanho das bochechas e deixar o rosto com um aspecto mais fino. Muitas mulheres tem recorrido para este procedimento nos últimos tempos para ficarem mais belas.

O nome dado a este tipo de cirurgia se refere a uma gordura localizada na face que possui o formato piramidal, cujo tamanho varia conforme a idade da pessoa, embora seja maior nas crianças e passa a ser menor a partir do momento em que ocorre o envelhecimento. A bola ou gordura de Bichat foi descoberta em 1802, pelo anatomista francês Marie François Xavier Bichat. Geralmente o procedimento cirúrgico é realizado para fins estéticos com incisão intraoral e tem uma duração média de aproximadamente 40 minutos, mas como toda operação é importante que se conheça os seus detalhes e cuidados necessários para que o resultado seja satisfatório.

 

Quem pode fazer?

Pode ser indicada para quem tem o formato arredondado do rosto, pacientes com fisionomia infantil, diminuição da aparência de sobrepeso, assimetrias de bochechas e para quem tem o hábito de morder frequentemente a bochecha devido ao estreitamento do corredor bucal.

 

Quais são os riscos?

Tal como em outras cirurgias, pode ocorrer inchaço entre 1 e 4 semanas, sangramento com formação de hematoma devido a rompimento de algum vaso, infecções, assimetria facial, lesão de nervos faciais com paralisias permanentes.

 

Quais são os cuidados após a cirurgia?

Ainda que seja considerada um procedimento rápido e simples, é importante que o paciente observe alguns cuidados básicos para que possa garantir a recuperação e perceber o quanto antes os resultados positivos. As seguintes recomendações devem ser seguidas:

– evitar grandes esforços como atividades físicas, práticas esportivas e academia;

– não tomar sol durante o período de sete dias;

– tomar a medicação corretamente prescrita pelo seu médico;

– aplicar bastante gelo para evitar qualquer tipo de inchaço;

– evitar a ingestão de alimentos muito duros pelo período mínimo de 48 horas e dar preferência a alimentos gelados para agilizar a recuperação;

– em caso de incisão intraoral, deve-se evitar o consumo de alimentos cítricos.

 

Quando posso ver os resultados?

Quanto aos resultados, estes começam a aparecer após duas semanas e a recuperação total é realizada com seis meses de realização cirúrgica.

 

Tags:, , , ,